Artur Bourdain de Macedo

 
 
 





> Código de referência PT/AMLSB/BOM

> Data(s) [1930]-[1980]

> Nome(s) do(s) produtor(es)
Macedo, Artur Bourdain de. 1917-1997, fotógrafo


> História administrativa / biográfica

Artur Bourdain de Macedo nasceu em Lisboa, a 10 de abril de 1917, sendo filho de Artur Costa Macedo (1894-1966), conhecido diretor de fotografia e realizador de cinema, com quem trabalhou, como assistente e operador de imagem, e aprendeu a dominar a técnica fotográfica. Casou com Ivone España, tendo uma filha, Maria Isabel Demétrio Bourdain de Macedo, e o seu neto, Pedro Capelas, tornou-se também fotógrafo.

Bourdain de Macedo viveu em Lisboa, Bucelas e no Rio de Janeiro, dedicando-se à fotografia de cena (teatro e cinema) e à fotografia de eventos (jantares comemorativos, visitas oficiais, casamentos e outros encontros sociais), entre as décadas de 1930 e 1980.

Foi fotógrafo de cena de cerca de vinte filmes, tais como, "A noiva do Brasil” (1945), "Serra brava” (1948), "Frei Luís de Sousa” (1950) e "Perdeu-se um marido” (1956), "O recado” (1971), entre outros. Desempenhou, igualmente, funções de produção, nos filmes "Sem sombra de pecado” (1983) e "O crime de Simão Bolandas”. Para além do cinema, fez também fotografia de cena da opereta "As três valsas” (1951), de Vasco Morgado, bem como de inúmeras peças de teatro, como, "Ó Rosa arredonda a saia” (1952), "O homem que veio para jantar” (1952), "Meu amor é traiçoeiro” (1962), "Blackout” (1969) e outras. Artur Bourdain de Macedo faleceu em Bucelas, a 14 de novembro de 1997.


> História custodial e arquivística

A documentação foi adquirida pela Câmara Municipal de Lisboa, a Carlos Rocha Peixoto, em 1996.




AGENDA