Fitas

 
 
 
Fitas


Olá!

Eu sou o Fitas, o novo membro da família do Kivo. 
Vivo na Videoteca, sou realizador de cinema e gosto muito de filmar. Aqui neste local maravilhoso posso fazer muitas coisas relacionadas com os filmes e o cinema.

Se quero fazer um filme sobre Lisboa pego na minha câmara de filmar, peço ajuda aos meus colegas (técnicos de som e de imagens), aí vou eu pelas ruas de Lisboa e filmo tudo o que encontro de giro para ficar registado. E olhem que eu filmo mesmo tudo … desde os lugares, os acontecimentos, as gentes, os artistas, os escritores e as personalidades marcantes de Lisboa. Estes filmes chamam-se documentários e são muito importantes, pois mostram a realidade e assim qualquer pessoa que queira saber como é Lisboa pode vir à minha casa e ver os filmes guardados no Arquivo Municipal de Lisboa | Videoteca.

Pois é! Desde que o cinema apareceu no fim do século XIX, em 1895 pelas mãos dos irmãos Lumière, a vida não foi mais a mesma coisa pois passámos a poder fazer o registo das imagens em movimento. Todos queriam observar essa nova maneira de ver as imagens. Foi uma verdadeira loucura! Depressa o cinema evoluiu e começaram a surgir muitas e muitas películas.

Por isso foi necessário criar a Videoteca, em 1991, e aqui passámos a guardar muitos filmes antigos e novos sobre a cidade. Imagina que os filmes mais antigos que guardamos de Lisboa são de 1930! São a preto e branco e não se ouve nada, são mudos. Nessa altura ainda não se conseguia juntar o som e a imagem ao mesmo tempo num filme.

Também temos livros sobre cinema que podem ser consultados e que nos ajudam a saber mais sobre a sua história.
ClaqueteÉ claro que para fazer tudo isto eu conto com a ajuda de muitas pessoas principalmente da minha colega Claquete, sem ela eu estava feito pois sou muito distraído e estou sempre a pensar no próximo filme que vou fazer. 

Quando começo a filmar é a Claquete quem dá a ordem para começar e diz logo 1, 2, 3 …ação! A minha equipa é impecável! Ajudam-me a organizar outras atividades, por exemplo quando quero fazer festivais e ciclos de cinema todos dão uma mãozinha, pois dá muito trabalho ter de escolher a sala para projetar os filmes, convidar os realizadores, os júris… bem, nem calculam a quantidade de coisas que temos de fazer… ufa! 
Mas depois de tanto trabalho fica tudo pronto para vos receber.

Bem, então adeus, fico à vossa espera!

pesquisa
 
AGENDA