Seminário Caminhos do Rio

 
 
 
SEMINÁRIO CAMINHOS DO RIO


O SEMINÁRIO CAMINHOS DO RIO dá início a uma reflexão sobre a influência dos rios na evolução das cidades, com especial atenção para o rio Tejo como fator de desenvolvimento da capital portuguesa ao longo de séculos e veículo de aculturação e disseminação da cultura portuguesa. 

Neste seminário é destacado o tema da EXPO 98 a propósito do seu 20º aniversário, considerando que este projeto, de sucesso internacionalmente reconhecido, se desencadeou na zona ribeirinha do Tejo, a oriente de Lisboa, permitindo a reabilitação daquela área em avançado estado de decadência social e ambiental, obtendo a cidade mais um ex-libris.
A iniciativa é uma organização conjunta com as Faculdades de Arquitetura e de Letras da  Universidade de Lisboa.

As inscrições são obrigatórias, limitadas aos lugares existentes e sujeitas a confirmação.



PROGRAMA
16 maio | Padrão dos Descobrimentos 

9h00 - Receção
9h45 - Sessão de abertura 
Manuel Veiga (Diretor Municipal de Cultura, Câmara Municipal de Lisboa)
João Pardal Monteiro (Presidente da Faculdade de Arquitetura, Universidade de Lisboa)


Painel 1 - RIOS E CIDADES CAPITAIS

Moderador: Carlos Guardado da Silva (Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras)

10h00 – Lisboa, o Tejo e o Mar
Pedro Gomes Barbosa (Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras)

10h30 – Os Avieiros do Tejo: património do rio
Vasco Pinheiro (Universidade Lusófona)

11h00 – Intervalo

11h15 – A paisagem do estuário do Tejo e a imagem de Lisboa
Margarida Valla (ARTIS, Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa)

11h45 – GIS reconstruction of the Vienese Danube river landscape 1529-2010
Severin Hohensinner (Institute of Hidrobiology and Aquatic Ecosystem Management, University of Natural Resources and Life Sciences Vienna)

12h15 – Amaro Leite: o ambiente histórico de uma cidade-beira rio portuguesa no Brasil
Gercinair Silvério Gândara (Universidade Estadual de Góis)

12h45 - Debate

13h00 – Almoço


Painel 2 – 20 ANOS EXPO 98 - mutações
Moderador: Carlos Ferreira (Universidade de Lisboa, Faculdade de Arquitetura)

14h30 – EXPO 98/ Parque das Nações, um laboratório na cidade
Carlos H. Ferreira, Catarina Maurício, Joana Pereira (GESTU)

14h50 – Da Expo 98 ao Parque das Nações, a Lisboa de hoje
Carrilho da Graça

15h10 – Pavilhão do Conhecimento dos Mares na Continuidade da Expo 98
Nuno Mateus – ARX Portugal, Arquitectos, lda

15h30 – Intervalo

15h50 – O espaço público e a paisagem. A relação com o rio Tejo
Carlos Ribas

16h10- EXPO 98, o projeto urbanístico 20 anos depois
Manuel Villaverde Cabral

16h30 – Manter viva a memória dos Descobrimentos em Lisboa
José Manuel Garcia (Câmara Municipal de Lisboa / Gabinete de Estudos Olisiponenses)

16h50 – Myriad SANA Hotel e Crystal Center, os edifícios do pós EXPO 98
Nuno Leónidas

17h10 - O centro de informação da Expo 98 
Miguel Arruda (provisório)

17h30 – Debate

17h45 – Encerramento
Carlos Guardado da Silva (Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras)
Carlos Ferreira (Universidade de Lisboa, Faculdade de Arquitetura)
Helena Neves (Câmara Municipal de Lisboa, Arquivo Municipal de Lisboa)




pesquisa
 
AGENDA