Cronologia sumária

 
 
 
Selo




Cronologia sumária

REINADOS DE D. AFONSO HENRIQUES, D. SANCHO I E D. AFONSO II

 

1109 (15 agosto) Nasce D. Afonso Henriques, filho dos condes Henrique da Borgonha e Teresa, filha do rei Afonso VI de Castela e Leão

1117(maio) D. Teresa intitula-se rainha do Condado Portucalense

1125 (17 maio) D. Afonso Henriques é armado cavaleiro em Zamora

1128(24 junho) Batalha de São Mamede. D. Afonso Henriques passa a controlar o Condado Portucalense

1130 (1 novembro) Morre D. Teresa, mãe de D. Afonso Henriques

1139(25 julho) D. Afonso Henriques vence a Batalha de Ourique contra o exército muçulmano e é aclamado rei

1142 Ataque fracassado a Lisboa

1143 (4-5 outubro) Tratado de Zamora. Reconhecimento de D. Afonso Henriques como rex. Portugal torna-se formalmente independente

1147 (15 março) D. Afonso Henriques conquista Santarém

1147 (25 outubro) Conquista de Lisboa por D. Afonso Henriques com o apoio dos cruzados que iam para a Terra Santa, após cerco de 5 meses

1154 (9 janeiro) D. Afonso Henriques concede carta de foral a Sintra

1154 (11 novembro) Nasce o infante D. Sancho, herdeiro do trono

1169 O infante D. Sancho começa a assumir o governo do reino

1173 (15 setembro) Chegam a Lisboa as relíquias de São Vicente

1179 (23 maio) Bula Manifestis Probatum do papa Alexandre III reconhecendo D. Afonso Henriques como rei

1179 (maio) D. Afonso Henriques assina as cartas de foral de Lisboa, Santarém e Coimbra.

1185 (6 dezembro) Morre D. Afonso Henriques em Coimbra e é sepultado na Igreja de Santa Cruz

1185 (9 dezembro) Aclamação de D. Sancho I como rei de Portugal

1186 (23 abril) Nasce D. Afonso, herdeiro do reino

1190 (maio) D. Sancho I recebe confirmação da bula Manifestis Probatum

1211 (26 março) Morre de D. Sancho I em Coimbra e é sepultado na Igreja de Santa Cruz

1211 (março) Subida ao trono de D. Afonso II

1217 (antes maio) Nasce o infante D. Afonso, futuro rei D. Afonso III

1223 (25 março) Morte de D. Afonso II em Santarém. Início do reinado de D. Sancho II, ainda menor, tutelado por um conjunto de ricos-homens


AGENDA