Álvaro Vasques

 
 
 
Álvaro Vasques

ÁLVARO VASQUES
(a. 1390-1394

Tabelião do rei em Lisboa

Sinal: AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 5, doc. 3 do Cartulário.

Designação: 
  • "tabeliam d´el rey em Lixboa” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3, doc. 1 do Cartulário).
  • "tabeliiam d´el rey em Lixbõa” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 4, doc. 2 do Cartulário)
  •  "tabeliam d´ell rey em Lixboa” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 5, doc. 3 do Cartulário).
  • "tabeliam d´ell rey em Lixboa” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 6, doc. 4 do Cartulário).
  • "tabeliam d´el rey em Lixboa” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 7, doc. 5 do Cartulário).
  • "tabeliam d´el rey na dicta cidade” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 8, doc. 6 do Cartulário). 
  • "tabeliiam d´el rey em a dicta çidade [de Lisboa]” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 9, doc. 7 do Cartulário)
  • "tabeliiam d´el rey em a dicta cydade [de Lisboa]” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 10, doc. 8 do Cartulário).
  • "tabeliiam” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 12, doc. 10 do Cartulário)
  • "tabeliiam d´el rey em a dicta cidade [de Lisboa” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 13, doc. 11 do Cartulário)
  • "tabeliiam d´el rey em essa meesma cidade [de Lisboa]” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 14, doc. 12 do Cartulário)
  • "tabeliam do dicto senhor rey na dicta cidade [de Lisboa]” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 15, doc. 13 do Cartulário)
  • "tabeliiam d´el rey em essa meesma ciidade [de Lisboa]” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 16, doc. 14 do Cartulário)
  • "tabeliiam d´el rey na dicta ciidade [de Lisboa]” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 17, doc. 15 do Cartulário)
  • "tabeliiam d´el rey em a dicta ciidade [de Lisboa]” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 18, doc. 16 do Cartulário)
  • "tabeliiam d´el rey na dicta cidade [de Lisboa]” (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 19, doc. 17 do Cartulário)
Intervenções:
  • ant. 1390, [Lisboa] – Traslada e valida com o seu sinal, para o "Cartulário do Hospital do Conde D. Pedro”, o aforamento perpétuo e hereditário de uma azenha na Ribeira da Sardinha, feito por Estêvão Fernandes, na qualidade de procurador do conde D. Pedro e de Maria Ximenes, a Domingos Gil, sua mulher e sucessores, e datado de 13 de Janeiro de 1346 (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-1)
  • ant. 1390, [Lisboa] – Traslada e valida com o seu sinal, para o "Cartulário do Hospital do Conde D. Pedro”, o aforamento perpétuo e hereditário de um casal em Alfaqueques e de umas casas em Sintra, feito por Vasco Afonso Carregueiro, na qualidade de provedor do Hospital do Conde D. Pedro, a João Anes, sua mulher e sucessores, e datado de 27 de Janeiro de 1374 (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-2)
  • ant. 1390, [Lisboa] – Traslada e valida com o seu sinal, para o "Cartulário do Hospital do Conde D. Pedro”, o aforamento perpétuo e hereditário de diversas propriedades situadas no Covão, feito por Estêvão Fernandes na qualidade de procurador do conde D. Pedro e de D. Maria Ximenes, a João Martins Sarrapal, sua mulher e sucessores, e datado de 13 de Março de 1346 (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-3)
  • ant. 1390, [Lisboa] – Traslada e valida com o seu sinal, para o "Cartulário do Hospital do Conde D. Pedro”, o aforamento perpétuo e hereditário de uma marinha em Alperiate, feito por Pedro Esteves, na qualidade de provedor do Hospital do Conde D. Pedro, a João Esteves e seu sucessores, e datado de 18 de Setembro de 1351 (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-4)
  • ant. 1390, [Lisboa] – Traslada e valida com o seu sinal, para o "Cartulário do Hospital do Conde D. Pedro”, o emprazamento de um casal na Romeira, junto a Bucelas, feito por João Rodrigues, na qualidade de provedor do Hospital do conde D. Pedro, a Aires Afonso, sua mulher e uma terceira pessoa, e datado de 8 de Outubro de 1387 (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-5)
  • ant. 1390, [Lisboa] – Traslada e valida com o seu sinal, para o "Cartulário do Hospital do Conde D. Pedro”, o aforamento perpétuo e hereditário de umas casas com sótãos e sobrados, situadas em Lisboa, na pedreira, feito por Pedro Esteves, na qualidade de provedor do Hospital do Conde D. Pedro, a Gonçalo Anes, sua mulher e sucessores, e datado de 19 de Novembro de 1361 (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-6)
  • 1390, Janeiro, 11, Lisboa, adro da Sé – Escreve e valida com o seu sinal a declaração de desistência de Afonso Anes do aforamento de umas casas com seu chouso, localizadas em Lisboa junto do mosteiro de S. Francisco, propriedade do Hospital do Conde D. Pedro; e a venda do referido emprazamento a Pedro Anes, marinheiro e marido de Maria Domingue, datadas respectivamente de 14 de Maio e de 17 de Maio de 1389 (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-7)
  • 1390, Janeiro, 18, Lisboa, adro da Sé - Escreve e valida com o seu sinal o emprazamento de um casal de herdade localizado na Rua dos Cães, em Sintra, propriedade do Hospital do Conde D. Pedro, feito por João Rodrigues, na qualidade de provedor daquele hospital, a Clemente Domingues, a sua mulher e uma terceira pessoa (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, 3-8)
  • 1390, Março, 8, Lisboa, adro da Sé – Escreve e valida com o seu sinal o emprazamento de um casal de herdade localizado na Rua dos Cães, em Sintra, propriedade do Hospital do Conde D. Pedro, feito por João Anes, na qualidade de provedor daquele hospital, a Lecim Judeu, a sua mulher Bemvinda e uma terceira pessoa (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, 3-10)
  • 1390, Julho, 18, Lisboa, ante a porta da Alfândega a Julho 20, Lisboa, adro da Sé – Escreve e valida com o seu sinal o aforamento perpétuo e hereditário de um casal situado na Romeira, junto a Bucelas, propriedade do Hospital do Conde D. Pedro, feito por João Anes, na qualidade de provedor daquele hospital, a Gil Vicente, a sua mulher e sucessores (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, 3-11)
  • 1387, Maio, 11, Lisboa, ante a porta da Sé – Escreve e valida com o seu sinal o emprazamento de um casal em Quenena, propriedade do Hospital do Conde D. Pedro, feito por João Rodrigues, na qualidade de provedor daquele hospital, a Domingos Anes, a Maria Peres, sua mulher e uma terceira pessoa (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-12)
  • 1390, Novembro, 1, Lisboa – Traslada e valida com o seu sinal a transferência, de João Domingues para João Vicente e Inês Lourenço e sucessores, do aforamento perpétuo e hereditário de diversas propriedades – uma azenha, almuínha, castanhal e herdade, situados na Ribeira da Sardinha – pertencentes ao Hospital do Conde D. Pedro (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, 3-13)
  • 1393, Maio, 24, Lisboa, em conselho – Escreve e valida com o seu sinal o traslado do aforamento perpétuo e hereditário de uma vinha com poço e porção de herdade, situadas na Ribeira de D. Grácia e propriedades do Hospital do Conde D. Pedro, feito por Pedro Esteves, na qualidade de provedor desse hospital, a Teresa Gonçalves, sua filha Isabel e sucessores (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-14)
  • 1393, Julho, 19, Lisboa, casas de morada de Álvaro Vasques, tabelião – Escreve e valida com o seu sinal o emprazamento de umas casas térreas em Lisboa, propriedade do Hospital do Conde D. Pedro, feito por João Anes, na qualidade de provedor daquele hospital, a Afonso Anes, a sua mulher Guilhulma Geraldes e sucessores (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-15).
  • 1393, Setembro, 8, Lisboa, Rua Nova – Escreve e valida com o seu sinal a avença e composição amigável feita entre João Anes, na qualidade de provedor do Hospital do Conde D. Pedro, e Vicente Martins Chainho e sua mulher Domingas Domingues, relativamente aos danos provocados numas propriedades desse hospital situadas em Quenena (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-16)
  • 1394, Fevereiro, 11, Lisboa, adro da Sé – Escreve e valida com o seu sinal o aforamento perpétuo e hereditário de uma vinha situada na Ribeira de D. Grácia, propriedade do Hospital do Conde D. Pedro, feito por João Anes, na qualidade de provedor daquele hospital, a Martim Anes, a sua mulher Domingas Silvestre e sucessores (AML-AH, Livro I do Hospital do Conde D. Pedro, doc. 3-17).
Língua: Português


pesquisa
 
AGENDA