João Mendes

 
 
 
JOÃO MENDES 
(1284-1285)

Tabelião de Lisboa e procurador do concelho












Designação:

1 - "tabelliom e procurador do concelho de Lixbõa" (AML-AH, Livro 1 do Alqueidão, doc. 6).

2 - Tabelião de Lisboa (AML-AH, Livro II de D. Dinis, D. Afonso IV e D. Pedro I, doc. 2, AML-AH, Livro I do Alqueidão, doc. 2 e doc. 5).


INTERVENÇÕES:

1. 1284, Julho, 23, Vaiada, Lezíria de D. Constança - Recebe, em nome do concelho e na qualidade de procurador deste, uma propriedade sobre a qual havia mantido uma contenda com os herdeiros de D. Sancha e que D. Dinis, em sentença, decidira atribuir ao concelho (AML-AH, Livro I do Alqueidão, doc. 6).

2. 1285, Agosto, 7, Lisboa, adro da Sé - Escreve e valida a composição efectuada entre D. Dinis e concelho de Lisboa acerca de alguns agravos de que a cidade se queixava (AML-AH, Livro II de D. Dinis, D. Afonso IV e D. Pedro I, doc. 2).

3. 1285, Outubro, 5, Lisboa - Testemunha o traslado em pública-forma, escrito e validado pelo tabelião Pedro Aires, de uma carta de D. Dinis pela qual confirma a ordem de Afonso II para que a herdade de Valada fosse dividida pelos pobres de Lisboa (AML-AH, Livro 1 do Alqueidão, doc. 2).

4. 1285, Outubro, 5, Lisboa - Testemunha o traslado em pública-forma, escrito e validado pelo tabelião Pedro Aires, de uma sentença de D. Dinis relativa a uma contenda mantida entre o concelho e os herdeiros de D. Sancha acerca de umas propriedades em Valada (AML-AH, Livro I do Alqueidão, doc. 5).

LÍNGUA: Português.

pesquisa
 
AGENDA